domingo, 9 de novembro de 2008

Frase quase divina – 35

Mais uma frase (pensamento) do escritor e pastor Altair Germano, o qual, dentre muitas outras funções que ocupa, é Superintendente da EBD na Assembléia de Deus em Abreu e Lima/PE.

“Quando escrevemos assumimos grandes riscos. O texto é a prova documental de nossas idéias e posições. Prefiro os riscos da escrita associados a uma consciência tranqüila diante de Deus, do que a quietude da omissão covarde” Altair Germano.

Anchieta Campos

6 comentários:

cincosolas disse...

Anchieta,

Magnífica o pensamento do Pr. Altair Germano.

Em Cristo,

Clóvis

Anchieta Campos disse...

Caro Clóvis, a paz.

Realmente, uma excelente assertiva!

Obrigado pelos seus sempre constantes comentários, prezado irmão.

Forte abraço.

Anchieta Campos

Nélia disse...

oláaaa Anchieta, passando pra te desejar tudo de bom... há e pra dizer tb que concordo com todas as suas postagens tem muito fundamento gosto muito de lê-las vc está de parabêns, continue assim precisamos de pessoas assim como vc com coragem... bjs e fica na paz. Nélia Assembéia de Deus-Pau dos Ferros.

Anchieta Campos disse...

Irmã Nélia, a paz do Senhor!

Muito me alegra sua visita e palavras em meu blog. Sou muito grato a ti por esta valiosa visita. Deus a recompesará por isto.

Obrigado pelas palavras de incentivo, saiba que elas me motivam a escrever mais e cada vez melhor.

Abraços.

Anchieta Campos

Victor Leonardo Barbosa disse...

Olá irmão Anchieta, a Paz do Senhor!!!

Assino embaixo, sabias palavras do pastor Germano!

Anchieta Campos disse...

Prezado irmão Victor, a paz do Senhor.

Realmente sabias palavras do nosso pastor Altair Germano.

Somos (nós, escritores evangélicos), detentores de uma grande responsabilidade que é escrevermos sobre as coisas pertinentes ao Reino dos Céus. Nós, que temos um certo destaque (digo isto sem vaidade), devemos ainda mais estarmos cientes que somos lidos e vistos, não somente por irmãos que concordam com a gente, mas por alguns que discordam!

Forte abraço.

Anchieta Campos